A Socidade Rosa Cruz na Inglaterra

Tradução Jose Filardo

[COMUNICADO]

A “Societas Rosicruciana in Anglia”- foi constituída em sua forma atual no ano de 1865, e tornou-se a sociedades mãe de sociedades semelhantes  na Escócia, Irlanda, Canadá e nos Estados Unidos. Ela não é um grau maçônico em qualquer sentido, embora seus membros (Fratres), sejam necessariamente Mestres Maçons, e um ritual de admissão é conduzido. As taxas de ingresso são pequenas, assim como a assinatura anual; os recebimentos destinam-se apenas a cobrir as despesas das reuniões e a impressão dos anúncios e relatórios. A sociedade tem vários colégios na Inglaterra, sendo o Metropolitano o maior, seguido de Yorkshire e Lancashire; o número total de membros é cerca de 200. Seu objetivo é a investigação científica, literária, histórica e arqueológica das artes ocultas da alquimia, astrologia, Cabala e a sabedoria oculta dos antigos, a origem dos mistérios das sociedades secretas e das Ciências perdidas e da literatura hieroglífica do Egito, etc. Trabalhos escritos são lidos nas reuniões, convidando-se à discussão e livros antigos e curiosos, fotos, etc., são exibidos. O Colégio de Yorkshire tornou-se especialista no estudo da arquitetura e pontos maçônicos de antigas igrejas e outros edifícios. R. W. Little, W. J. Hughan, W. R.Woodman, F. Gr. Irwin, H. C. Levander, Wm. Carpenter, Kenneth Mackenzie e Cuthbert Peck, estavam entre os seus membros famosos no início. O Dr. W. R. Woodman é o Mago Supremo presente, e T. B. Whytehead é o chefe do Colégio York.

Seguindo o exemplo da famosa fraternidade R.C., sobre a qual vários livros foram publicados de 1614 a 1660, mais especificamente “Fama et Confessio”, o procedimento e a qualidade de membro da sociedade são mantidos em grande segredo, e de fato, existem certos pontos de conhecimento e hierarquias na sociedade conhecidos de muito poucos; as informações anteriores aplicam-se somente ao primeiro grau de trabalho ordinário ou Zelador; acima disso nenhum membro que se junta à ordem pelo título, ou sem quaisquer aspirações ocultas é permitido passar na verdade, mesmo s títulos mais elevados sejam conferidos; alguns dos fratres são apenas ornamentos da sociedade e nem mesmo professam ser trabalhadores. De 1868 a 1879, a sociedade publicou uma revista que foi habilmente  editada pelo Dr. Woodman; neste momento, o Colégio Metropolitano publica Transações Anuais, e o Colégio de York imprime ensaios ocasionalmente. Aqueles mais profundamente interessados em penetrar áreas ocultas, têm certas doutrinas esotéricas secretas e a sabedoria oculta, que são mantidos como o prêmio a ser ganho por aspirantes, após um considerável período de provação. Insiste-se no teste de Mestrado em maçonaria, por uma questão de justiça para a Maçonaria, pois  seria considerado muito difícil vadear cinzas de mitos perdidos e cerimônias, sem trair os segredos próprios da Maçonaria. Jóias de honra e grau são usadas, mas nenhuma outra roupa especial, para que até agora nenhuma traça seja atraída para a lâmpada de fogo eterno da Rosa Cruz cristã por adornos externos; e também pode ser mencionado que não há qualquer fundo de benefício vinculado à qualidade de membro, cada Frater sendo, conforme acima exposto, um Maçom Especulativo. [i]

VM. WYNN WESTCOTT, M.B., P.M. 814,

Sec. Geral, IX ° Honoris Causa.

AQC – Vol 1 p54 (1886)


[i] Os irmãos desejosos de serem admitidos à sociedade podem solicitar somente por carta à Sede. Geral em 896, Camden Road, Londres, N.

 

Publicado on dezembro 24, 2012 at 1:31 pm  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://bibliot3ca.wordpress.com/a-socidade-rosa-cruz-na-inglaterra/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: