POSIÇÃO DO GOB EM RELAÇÃO À REGULARIDADE E DIREITO DE VISITAÇÃO – 2015

Supremo Tribunal Federal Maçônico

Processo: xxx/2014
Feito: MANDADO DE SEGURANÇA
Impetrante: PEDRO R.´.
Impetrado: GRÃO-MESTRE GERAL DO GRANDE ORIENTE DO BRASIL
Relator: MIN. DORIVAL L.´.

EMENTA

MANDADO DE SEGURANÇA. ATO DO GRÃO-MESTRE GERAL QUE PROÍBE A VISITAÇÃO, EM LOJAS FEDERADAS AO GRANDE ORIENTE DO BRASIL, DE INTEGRANTES DE LOJAS E POTÊNCIAS SIMBÓLICAS QUE NÃO CONSTAM DA “LIST OF LODGES” EDITADA PELAS GRANDES LOJAS NORTE-AMERICANAS E DETERMINA TAMBÉM QUE OS IRMÃOS DO GOB SÓ PODEM VISITAR LOJAS MAÇÔNICAS VINCULADAS À REFERIDA LISTA. A PREVALÊNCIA DA NORMATIZAÇÃO ESTABELECIDA PELA GLUI SOBRE REGULARIDADE MAÇÔNICA DECORRE DE SER A MESMA A ÚNICA ORIGINADA DIRETAMENTE DA MAÇONARIA OPERATIVA. CRITÉRIOS ACEITOS PARA QUE UMA POTÊNCIA SEJA CONSIDERADA REGULAR E RECONHECIDA. LEGALIDADE DO ATO.

A ascendência da Grande Loja Unida da Inglaterra sobre as Grandes Lojas ou Grandes Orientes de todos os países decorre do fato de ser ela a única a descender de forma direta e legítima da Maçonaria Operativa medieval, e de assim ter-se mantido ao longo dos séculos, o que lhe dá autoridade e legitimidade para estabelecer parâmetros sobre regularidade maçônica.

A moderna Maçonaria contempla, em nosso planeta, a existência de milhares de Grandes Lojas, Grandes Orientes, Lojas e Maçons, situação que exige inegavelmente a presença de regras de convivência e reconhecimentos diplomáticos mútuos que terão que ser observados e respeitados.

O Grande Oriente do Brasil foi reconhecido como regular pela Grande Loja Unida da Inglaterra em 1919; e, posteriormente, pelas Grandes Lojas Americanas, como faz certo a “List of Lodges” – edição de 2014, e outras publicadas anteriormente. Por igual, as Grandes Lojas Maçônicas que compõem a Confederação Maçônica Simbólica do Brasil -CMSB, que já eram reconhecidas pelas Grandes Lojas Norte- Americanas, também, mais recentemente, tiveram quatro Grandes Lojas Estaduais reconhecidas pela Grande Loja Unida da Inglaterra e figuram na “List of Lodges”, motivo pelo qual a intervisitação entre Maçons do GOB e da CMSB não encontra qualquer objeção ou restrição.

O GOB é signatário de tratados e detentor do reconhecimento da GLUI e das Grandes Lojas Norte-Americanas, e assim, não pode seu Grão-Mestre Geral aquiescer que as Lojas Federadas permitam a intervisitação entre maçons do GOB e maçons pertencentes a outras Potências irregulares e/ou não reconhecidas, sob pena do próprio GOB perder o reconhecimento da GLUI, das Grandes Lojas Norte- Americanas e demais potências reconhecidas, vindo a tornar-se uma Obediência não reconhecida a nível mundial. O ato impugnado preserva o GOB de descumprir os tratados e as regras do reconhecimento, mantendo-o como Potência regular e reconhecida mundialmente, não emanando.do referido ato ilegalidade, abuso de poder ou qualquer outro vício que possa maculá-lo.

São nulos de direito e sem efeito todos e quaisquer tratados, pactos, atos ou documentos firmados entre os Grandes Orientes Estaduais e quaisquer outras Lojas ou Obediências que não constam da “List of Lodges”, independentemente de qualquer formalidade especial.

Mandado de Segurança conhecido. Segurança denegada. Unânime.

Leia o texto completo em https://bibliot3ca.wordpress.com/posicao-do-gob-em-relacao-a-regularidade-e-direito-de-visitacao-2015/

Anúncios

The URI to TrackBack this entry is: https://bibliot3ca.wordpress.com/2015/02/10/posicao-do-gob-em-relacao-a-regularidade-e-direito-de-visitacao-2015/trackback/

RSS feed for comments on this post.

19 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Seu eu lhe der todos os sinais: Sois M.’.? MM.’.IIr.’.C.’.T.’.M.’.R.’….Sois C.’.M.’.? E.’.V.’. A E.’.F.’……Sois M.’.M.’.?……A A.’.M.’.É C.’. Sois M.’.S.’.? P.’.D.’.E.’.A.’.C.’., V.’. O T.’.D.’.H.’.,O.’.,E.’.C.’.D.’.MM.’.IIr.’., D.’.LL.’. Me reconhecem ou não? Eta pavoada do carai!

    • Obvio, os sinais acompanharão os telhamentos!

      • assim como toda pergunta com suas respostas….e quem disse que me interessa visitar as lojas supostamente reconhecidas?

  2. Prezados IIr∴, há um texto do Apóstolo Paulo no Livro Sagrado que diz: “Porque, dizendo um: Eu sou de Paulo; e outro: Eu de Apolo; porventura não sois carnais? Pois, quem é Paulo, e quem é Apolo, senão ministros pelos quais crestes, e conforme o que o Senhor deu a cada um? Eu plantei, Apolo regou; mas Deus deu o crescimento.” Quanta vaidade eu vejo aqui. O que importa ser ou não reconhecido se somos todos iguais perante o Gr∴Arq∴do Un∴? Conheço IIr∴ irregulares, regulares, reconhecidos ou não que são grandes maçons. Portanto, continuemos na luta pela Liberdade, Igualdade, Fraternidade. Somente assim alcançaremos o ápice espiritual na qual todos nós buscamos na vida Eterna. Espero que essas poucos e simples palavras inundem os vossos corações hoje e sempre.
    Tr∴Abr∴Fr∴

  3. Meus irmãos, fico preocupado com alguns comentários que misturam religião, politica, “estória” e fundamentalismo que em nada dizem respeito a discussão nem trazem luz ao entendimento. Para mim a questão é simples e um misto de vaidade, má vontade e “ignorância conveniente”. Regularidade: É regular toda loja maçônica dirigida por um Mestre, que trabalha a coberto e nos três graus simbólicos. Reconhecida é a loja que recebeu carta constitutiva (documento administrativo) de Obediência “x ou y”. Conclusão: O problema inexiste, o que há é uma interpretação maldosa, maliciosa e equivocada.

  4. Caros IIr.:

    Sou de uma humilde A.:R.:L.:S.: na cidade de Bacabal interior do humilde estado do Maranhão e mesmo observando tantos comportamentos e atitudes de alguns IIr.:, comportamentos esses que não agregam valores algum a nossa ordem, EU CONTINUO acreditando que o BOM MAÇON deve ser reconhecido pelos seus atos e bons costumes, e não por uma determinação de alguém que “está” em algum comando, seja ela qual for a patente que o mesmo “está” ocupando no momento, então meus queridos irmãos de qualquer potencia “reconhecida ou não” , continuemos com os nossos trabalhos de promover o bem estar da humanidade levantando Templos as Virtudes e cavando Masmorras aos Vícios. (Bom ou Ruim, tudo passa) e esse foco de reconhecimento não tem importância quando o objetivo é FAZER MAÇONARIA.

    T.:F.:A.: a todos os os meus irmãos, independentemente de potencia EU (um humilde obreiro insignificante) RECONHEÇO A TODOS.

    • A questão é bem simples: Se por acaso um dia ocorrer um conflito Brasil/Inglaterra como ocorreu com a Argentina; nossa vizinha… eu pergunto o seguinte: Eles do GOB vão atirar em nós brasileiros ou nos agressores Ingleses ? Primeiro reconheça e ame os de casa pois esses é seus descendentes é que darão a vida por todos dessa nação chamada Brasil. Patriotas ? Não reconhecem os seus compatriotas e rastejam por um reconhecimento inglês em pleno século XXI. Barão de Frerè, Foster, principes ingleses e companhia… todos lá com eles e eles… os nossos avestruzes irmãos… eu acho que são… tenho com sinceridade dúvidas pois eles valorizam os de fora que nos roubam, nos enganam e de um jeito e de outro agride o nosso povo e nossa inteligencia. Fico pensando: são vítimas idiotas ou são cúmplices esse pessoal do GOB ? Gente, já passou do tempo desse povo acordar e se portar como maçons. Ficam vivendo do passado, das ações de maçons que no passado não tinham opção; hoje o mundo é outro… aliás já faz um tempo que o mundo é outro e eles ficam alí pomposos, frescos e excluindo em nome de uma p… de reconhecimento. Gostaria sinceramente que nosso país não se envolvesse de forma alguma com mais nenhum conflito militar mas se acontecer com sinceridade não estarei em paz sabendo que um descendente meu sacrifique a sua vida por um pavão desses que estão aí. Vão todos para a Inglaterra e deixe o Brasil e a maçonaria pois estamos em outro tempo, com outra realidade e menos desinformados… não fiquem vivendo das glórias alheias do passado, de um tempo que os nossos irmãos… patriotas não tinham opção.

      Bando de loucos… amam o estrangeiro mas desconhecem os do seu país. Para que consigam amar o estrangeiro é preciso que consigam primeiro amar e reconhecer os do seu país. Somos humanos e sabemos que maçons entram em guerra, essa é a verdade e seria bem interessante um deles com um fuzil ingles na cara de um deles ou de um descendente deles. Ora ora vão para a Inglaterra, lá eles são amados e reconhecidos.

      É bem fácil não discutir política e religião… O monarca inglês até pouco tempo era chefe supremo da política e da religião… até isso esses irmãos pavões não perceberam. Para falar a verdade a Inglaterra nos rouba, está do lado de quem nos rouba e engana, ou seja, está sempre envolvida mesmo que de longe ao lado dos inimigos do nosso país. Tomem como exemplo os Estados Unidos que primeiro reconheceram o povo deles, a maçonaria do país deles ; sabemos que ainda existem algumas lojas, potencias maçonicas inglesas lá mas… sob a observação e julgo da maçonaria independente dos Estados Unidos.

  5. Fui iniciado no GOB e hoje sou do GOP e pergunto, que importância isso tem?
    Estamos vivendo um momento delicado em nosso país e o Grão Mestre do GOB resolve “implicar” e dar foco e esforço a uma questão que em minha opinião é irrelevante ao momento.
    Quando vamos parar com a síndrome do pavão?
    Se querem se espelhar no que já passou vamos nos espelhar nos movimentos maçonicos do passado e em seus benefícios para a humanidade, adormecido não é aquele que não frequenta, adormecido são todos os que não se manifestam perante a situação de nosso país, esqueceram que temos que zelar pelo bem estar da humanidade, bater martelo é fácil só não esqueçam que maçonaria de verdade é feita fora de loja e de palácios maçonicos , sendo assim os Grãos Mestres deveriam dar exemplo e começar a se preocupar com questões realmente relevantes que sabemos ser nossos princípios.
    TFA

  6. Esse louco não é maçon; não é livre e não tem como manter compromisso sério com seus compatriotas. É um louco desvairado que busca receber atenção de uma ilha. Mada para lá, vai embora daqui pois vocês não representam a maçonaria do Brasil; são traidores e como os americanos fizeram a mais de 200 anos atrás já passou da hora de nós mandarmos vocês e a influência inglesa e de outros cachorros para lá, para o colo da rainha que vocês tanto amam. Amam mais que o seu país, o seu povo e os seus irmãos. Gostaria de saber o que aconteceria se houvesse uma guerra Brasil X Inglaterra… certamente preencheriam a lista de traidores da História. O Brasil não precisa do GOB e dessa maçonaria mediocre e fraca e traiçoeira que vocês praticam. Heróis devem estar se contorcendo lá nos túmulos. Você vivem do passado de grandes homens, são na verdade parasitas, fracos e devem ser piada lá fora para a maçonaria estrangeira que os aprisionam. Não vejo a hora da lojas independentes tomarem as rédeas pois vocês são um fracasso; são uma piada maçonica de mal gosto. Marcos é um pavão louco e desvairado; é cão de poderosos do exterior. Nós estamos de olho em vocês e acreditem, passaram-se mais de 200 anos para a maçonaria desse país ser livre, independente e fiel aos interesses da pátria. Os maçons do passado por falta de opção naquela época tiveram que afiliar-se ao GOB pois o mundo era outro e a Inglaterra mandava mesmo mas como fizeram os estadunidenses nós também faremos; ou seja, vamos nos libertar, deixaremos de ser colônia dos ingleses e suas cúpulas/alianças. O GOB é traidor da pátria e nós estamos de olho, enxergamos Petrobrás, Bilderberg, Skull and Bones, Barão de Frerè e outros canalhas. Idiotas… não discutem política mas amam políticos em suas fileiras e eventos. Não discutem religião mas vira e mexe estão com alguma liderança. É evidente suas amebas que os reis ingleses não apoiariam uma maçonaria que discutisse religião e política pois eles eram chefes religiosos e da igreja. Vocês são arcaicos e não entenderam que o mundo mudou. Usam internet mas não entenderam que o mundo mudou e que a maçonaria desse país também deve mudar, se adaptar e se libertar daquela ilha. Irmãos covardes, estão pintando e bordando no seu país e ainda ficam preocupados com reconhecimento. Primeiro o país de vocês e não ficar preocupados se o vizinho vai ou não vai gostar de vocês. Quando um dia chover rajadas, balas de canhões não serão eles que morrerão por vocês ou seus descendentes. Idiotas.

  7. Mano Marco Piva, a Escócia se organizou em uma Obediência, sim. William Schaw foi o pimeiro a fazer uma organização obediencial. Isto consta dos artigos deste blog. Então a Obediência inglesa só copiou o que Schaw fez na Escócia, precisamente em Edimburgo.
    Agora, preferir o GOF é falar sem levar em conta que essa Potência Venerável (a mais antiga da França), tinha IIr.’. que eram acionistas da revista suja Charlie Hebdo! Como se pode falar em tolerância quanto se vê as caricaturas horríveis daquela revista? E tudo com o maior apoio do G.M. do GOF, o qual veio a público dizer que “não há limite para o direito de caricaturar, o qual goza de ABSOLUTA liberdade pois seu poder corrosivo critica o fanatismo”. Deus nos livre que isso venha pro Brasil!!!
    Ainda temos de dizer que a Grande Loja de Londres ou Modernos, somente se tornou regular quando se uniu à Grande Loja de Toda a Inglaterra, isto é, aos Antigos. Aí sim, entrou na linha da Tradição maçônica que anteriormente havia quebrado. Foi graças à essa união que a GLUI hoje pode arrotar regularidade, pois Anderson, Desaguliers, Payne e Montagu não tinham nada de Regular: era tudo irregular “mermo”!
    Portanto, como diz o Ir.’. João Batista, é preciso ler, estudar e depois dizer. Mas a Grande Loja dos Antigos era constituída de maçons operativos do Rito de York: antigo, sim. E foi esta maçonaria que conferiu o caráter de regularidade – como já disse antes – à Grande Loja de Londres.
    TFA

  8. Pena que o nosso primeiro comentário não foi postado. Mas tudo bem, continuaremos incentivando e acompanhando este belo blog.

    • Se vocês se referem ao comentário de 10/02 – 10:39 – Ele foi aprovado e publicado.

  9. Faço parte da A.’.R.’.L.’. S.’.Cidade de Santos e recebi a informação de que o GOP ( Grande Oriente Paulista) já faz parte da LIST OF LODGES.
    Texto que recebi…

    APENAS LEMBRO AOS IIR.’. QUE O GRANDE ORIENTE PAULISTA ATRAVÉS DO ILUSTRE GRÃO MESTRE JURANDIR ALVES DE VASCONCELOS E DE SEU GRÃO MESTRE ADJUNTO RICARDO GUISADO, JÁ CONSEGUIRAM INCLUIR O GOP NA “LIST OF LODGES”, OU SEJA, SOMOS SIM UMA POTÊNCIA RECONHECIDA, E, PORTANTO, APTOS A RECEBER QUALQUER IR.’. QUE SEJA DE UMA LOJA JUSTA E PERFEITA, E OBVIAMENTE, DE UMA POTÊNCIA RECONHECIDA.

    CARLOS EDUARDO MENDES

    VEN.’.M.’. TRÍADE DE SANTOS N. 231 – GOP

    • Meu Ir.´.sou da A.´.R.´.B.´.L.´.S.´. Colunas de São José-229 GOP e não recebi esta informação, o que sei que estão trabalhando para incluir o Grão mestre Jurandir vai fazer uma palestra no dia 25/04 na loja GUARDIÕES DA ARTE REAL em caçapava sobre o assunto regularidade T.´F.´.A.´.

      • Brother,

        Toda essa questão envolve muita política. Veja o exemplo do Grão Mestre Geral do GOB que preside a AMI (associação maçonica interamericana) que congrega potências que constam da lista de lojas “irregulares” segundo GOB.

        Durma-se com um barulho desses!

        TAF

  10. Pelos fatos que se tem observado, inclusive este, parece que perdemos a noção das coisas. Cumprir o que está estabelecido deve ser algo natural. Pode-se até discordar, mas para a potência GOB a regra é essa. Manter o reconhecimento perante a GLUI é um dos deveres do GOB.
    O maçom, como cidadão, tem a maior parte de seu tempo dedicado à vida profana. É lá que está o seu ganha-pão. Mas, precisamos ter consciência com o que lá ocorre e separar do ambiente maçônico. Não precisamos praticar e muito menos exagerar nas atitudes lá praticadas. A impressão que me passa é que não estamos conseguindo desvincular essas atitudes com a atividade maçônica.
    Acredito que já atingimos um ponto tão elevado de se tentar impor alguma vontade própria, que chegou a hora de um basta.

  11. Absurdo

    A List Of Lodges traz uma série de potencias não reconhecidas pela GLUI ..como por exemplo, o Grande Oriente da Itália.. entre outras,, a GLUI reconhece a Grande Loja Regular da Itália.. só para começo de conversa .. Foi uma baita confusão feita pelo GM Geral que ele nem sabe como argumentar a respeito, só manda e nós temos que baixar a cabeça…

    Esse relator é um bosta.. como o GM Geral.. e todos os puxa-sacos ..deve ser indicado pelo GM atual, como os ministros do STF são indicados pelo presidente, ou seja, nunca vão ferrar com o executivo… há uma divida a ser paga pro resto da vida com a indicação.

    A maçonaria inglesa, que tem seus méritos, apenas se organizou primeiro, ninguém pode dizer que ela é a mais antiga (eu penso que seja na Escócia o berço dos operativos e das primeiras Lojas, porém sem organizarem-se em uma obediência)..

    E depois, os operativos andavam pela Europa toda.. eles são arrogantes e presunçosos em se acharem os donos da franquia, mas não há dono, nem franqueado.. existe maçonaria, e maçons livres em Lojas Livres, o resto é palhaçada..

    Pelo amor dos filhinhos do Silvio Luis, essa matéria, se foi com intenção de provocar, ok..mas explica pros leitores senão vão achar que vc está apoiando isso ai.. agora, se não é o caso e vc apoia esse lixo de decisão, me perdoe, eu saio de fininho.. e não se fala mais nisso.

    Eu quero que o ingleses e principalmente os americanos vão à merda .. temos que ser independentes de qualquer um, mas como uma espécie de guia de orientação, até pela cultura diferenciada, prefiro mil vezes o GOF .. mas cada um na sua …

    Mas os burros são os brasileiros mesmos, servis, ignorantes, baba-ovos.. Poderíamos ser uma potencia do tamanho da GLUI da Inglaterra ou quase.. temos 200.000 em 6.000 Lojas ( no máximo, talvez menos), eles 250.000 em 8.000 Lojas .. só que eles são uma só, nós, um monte, separados por vaidades.. Unidos, em uma só, quem ousaria não nos reconhecer? Oras bolas… no máximo em 3 ou 4 anos todos estariam de braços abertos… ou então, não fazem falta nenhuma, nunca vi alguém de lá dar um presente pra nós.. como somos estúpidos em não pensar grande..

    Deixa rpa lá, é malhar em ferro frio..

    tfa

  12. Caros IIr.´.
    Como se vê, a maçonaria brasileira ora protagonizada pelo Grande Oriente do Brasil (leia-se: “não é oriundo do Grande Oriente Brazílico – o mais antigo e realmente fundado em 1822, de caris Carbonário”), não passa de uma fraternidade colônia da Inglaterra e dos Estados Unidos. Dizer que a GLUI é descendente directa da maçonaria operativa inglesa, é puro embuste, basta ver a Carta da Bolonha devidamente registrada em 1248 na prefeitura da Bolonha, Itália, onde comprova ser a Maçonaria Florestal composta pelos mestres dos muros e pelos mestres da madeira, a mais antiga fraternidade operativa naquele parte da Europa!
    Salute e Fratellanza!
    Triple Abbracci.´.
    Giuseppe Garibaldi33.´.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: